A gente passa uma vida inteira morando em determinada cidade e não é capaz de perceber quanta coisa legal ela tem para nós oferecer, e que essas coisas vão muito além da rotina “trabalho – casa – trabalho – parentes – parquinho – etc…”! Tem lugares encantadores, tipicamente turísticos ou agradavelmente históricos que valem a pena conhecer!

Então, eu proponho pra vocês escolherem um dia qualquer que estejam de folga, férias ou com uma pausa no trabalho para curtirem suas cidades sob outro ângulo, que tal??? E se quiserem vir me contar depois como foi a experiência, vou adorar!!!

A nossa escolha (quase) perfeita para o sábado a tarde foi conhecer o passeio oferecido pela Secretaria de Turismo de Porto Alegre, o Linha Turismo | Roteiro Centro Histórico.

O Linha Turismo é um ônibus de dois andares, no mesmo estilo dos que fazem esses passeios em Buenos Aires e outras cidades turísticas por aí… O segundo andar é aberto e é de onde podemos ver os melhores ângulos da cidade, percebê-la com um outro olhar. Achei uma ótima opção de City Tour (e na verdade, nunca havia passado pela minha cabeça fazer um city tour na cidade onde moro), com um bom custo-benefício, além de ser um programão daqueles que dá pra levar a família toda – devidamente munidos de um boné, óculos de sol, protetor solar e água mineral, claro!

O Ingresso, válido para um dia inteiro, custa R$ 15,00, um valor justo, já que com ele temos a opção de embarcar e desembarcar quantas vezes quisermos durante o horário de funcionamento da Linha, e ter a oportunidade de conhecer detalhes de algum ponto em especial. O serviço funciona de terça a domingo, sendo que aos finais de semana ele tem um ponto a mais de parada – o Parque da Redenção!

Nós compramos nossos ingressos no CIT (Centro de Informações Turísticas) do Mercado Público e esperamos ali mesmo para embarcar. Havia bastante gente esperando, paulistas, nordestinos, americanos… Ah, eles oferecem também os fones com a tradução em espanhol e inglês!

Só para complementar a informação: o ponto inicial da Linha Turismo fica na Travessa do Carmo, na Secretaria de Turismo, mas se já tivermos os ingressos comprados, podemos iniciar nosso City Tour de qualquer ponto (no verso do ingresso estão listados os pontos de parada e os horários previstos para embarque e desembarque).

Começamos então nosso passeio pelo Mercado Público e já na primeira parada desembarcamos, pois eu queria muito conhecer a Fundação Iberê Camargo. Claro que fomos bem acomodaditos no segundo andar do ônibus, embora o calor desanimasse um pouco.

Olhem só as primeiras fotos que renderam dessa saída (mais uma ótima forma de treinar fotografia com a câmera nova, né):

Arco de acesso subterrâneo para o Trensurb e Catamarã | Lateral do Mercado Público | Terminal de Ônibus Parobé

Avenida Beira Rio – Ciclovia | Vista do Rio Guaíba (ou seria Lago?) | Monumento As Cuias

Essas imagens acima são da Fundação Iberê Camargo, a entrada é gratuita. Era o primeiro ponto de parada da Linha Turismo em relação ao Mercado Público e foi onde desembarcamos.

Ela fica na Avenida Padre Cacique, próxima do BarraShoppingSul, mas é uma área bem deserta, a não ser pelo trânsito e por alguns ciclistas e corredores.

Atravessamos pelo estacionamento subterrâneo e fomos recebidos pelo segurança da Fundação que de cara já nos avisou (era sábado, notem bem) que não haviam muitas coisas para ver, que apenas o segundo piso – com uma exposição do artista que dá nome ao lugar – e a Lojinha estavam disponíveis para visitação.

Pessoal, talvez eu esteja sendo um pouco exigente ou tenha criado expectativas demais sobre o local, mas em pleno sábado que é um dia em que as pessoas naturalmente se dispõem a passear mais os salões estavam vazios, não havia nenhuma mostra interessante. Eu senti uma decepção muito grande e um vazio enorme – se bem que havia um vazio de espaço físico que explicava a sensação mesmo – que senti um arrependimento de ter descido ali. O que posso dizer é que a Fundação tem uma arquitetura incrível, moderna, que trouxe uma nova visão para a arquitetura de Porto Alegre, mas poderiam oferecer mais, né!

O que salvou a nossa paradinha foi o Press Café, que fica ao lado e serve ótimos cafés, ficamos ali esperando o tempo passar, já que o próximo embarque só dali uns 40 min. E nem vou contar que quase fomos assaltados enquanto esperávamos pelo ônibus porque o restante do passeio foi incrível (sem mais descidas, obvio).

Mais um pouquinho da cidade, pedacinhos de Porto Alegre…

Cais do Porto Mauá e Muro da Mauá | Ipê Rosa à beira do Guaíba | Rua Gonçalo de Carvalho (a mais linda do mundo).

Mais algumas imagens lindas que mostram um pouquinho da história da arquitetura de Porto Alegre. Marcas de povos diferentes que foram chegando e se estabelecendo por aqui, desde 1700 e uns tantos.

Cúpula da Catedral Metropolitana de Porto Alegre e Monumento a Julio de Castilhos | Detalhes da Catedral nas miniaturas.

Biblioteca Pública do Estado do Rio Grande do Sul | Busto dos Positivistas que influenciaram a história política de Porto Alegre, Augusto Comte foi um deles! Um dia quero ter tempo para ler sobre ele, sobre o Positivismo no Rio Grande do Sul e as influências políticas.

Abaixo, o Palácio Piratini e o Teatro São Pedro, ambos em estilo Neoclássico. Esses dois valem uma visita guiada, são muito lindos e cheios de história!

Encerramos nosso passeio no Mercado Público, fechando o roteiro. Ali aproveitamos para dar um pulinho na Banca 40, famosíssima por seus sorvetes (experimentem a Bomba, irresistível) , e fizemos um lanche para finalizar o tour! Só se armem de paciência, pois nos finais de semana a fila de espera para conseguir até mesmo um lugar no balcão é grandinha… Mas vale a pena!

O que posso dizer pra vocês é que valeu muito a experiência. Porto Alegre tem me surpreendido com programações bem interessantes sobre sua história e sua cultura. Já fiz há um tempo ‘Os Caminhos da Matriz”, bárbaro, super completo e com guias excelentes;  e também o “Viva o Centro a Pé – Redenção”, embora não tenha ficado até o final, foi um ótimo roteiro!

Pra quem gostou da idéia e ficou com vontade de fazer o passeio, só clicar aqui: Linha Turismo Roteiro Centro Histórico

Se quiserem ficar por dentro da programação cultural da cidade, só acompanhar: Porto Alegre Travel no Facebook ou Porto Alegre Travel

Beijo grande,

Uma ótima semana pra vocês!

 

 

Signature_Nine

  Ei, curte aqui, vai! :(

Nine Copetti

Dizem por aí que já nasci com um livro embaixo do braço. Ando pelas ruas com o olhar pro alto a procurar nuvens que sejam algodão doce e passarinhos que versem sobre o dourado lindo do sol que chega de mansinho. Desanuvio meus pensamentos em palavras que se tornam meus textos de escape, faça sol ou chuva. Nos dias de chuva eu capricho mais. Dizem.

2 comentários

Ana Paula · 21 de agosto de 2012 às 14:10

Nine,
Gostei do post! Essa arvore rosa 'e linda. E a catedral nem se fala…
Ja andei num onibus assim de 2 andares nesse mesmo esquema, de poder usar qts vezes quisesse num periodo de 24 horas. Acho bacana dependendo da cidade que vc esta visitando.
Bjsss

    Nine Copetti · 22 de agosto de 2012 às 01:20

    Oi, Ana!!!
    Pois é, acho que para viagens mais rápidas onde a gente não tem muito tempo de conhecer os pontos \”turísticos\” é bem valido, né! Ou pra fazer aquela geral e depois se aprofundar só no que interessou mesmo!!!

    Obrigada por passar por aqui! Beijo grande!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *