Além de fã incondicional dos cafés especiais, desde pequena o hábito (herdei da minha mãe) de beber chá também me acompanha! Inicialmente, chás pretos incrementados em infusões que iam de especiarias como cravo, canela e anis até as cascas de maçã, laranja, abacaxi e também rodelas de limão! Nos aniversários que tenho lembrança lá dos anos 80, pra combinar com as delícias caseiras que vó, tias, mãe e amigas faziam… Além do bolo de aniversário, também feito em casa… Ô tempinho bem bom, que saudade!

No forte do inverno, lembro da alquimia da minha mãe ao preparar chás misturados à leite ou gemada – ou era os dois juntos? – com promessa de proteger ou curar qualquer gripe! Eu era apaixonada pelas florzinhas de macela do campo que a mãe colocava na água quente antes de misturar tudo! Era tão aconchegante e protetor!

Crescida, casada e longe da casa dos meus pais, logo dei um jeito de (além do cantinho do café) ter sempre à disposição minhas coisinhas pra preparar meus chás!  O estoque é sempre imenso, desde chás mais comuns pro dia a dia, digestivos, calmantes, cafeinados… Até os mais elaborados, mistos, aqueles a granel e mais recentemente as infusões deliciosas que andei provando no Café Republica e também na Tea Shop do Iguatemi!

E pra mim não tem época melhor ou pior, inverno e verão eu faço minhas invenções, misturinhas, chás gelados, com mel, com leite (sem lactose). Quando estou mais inspirada – geralmente nas férias – faço até biscoitinhos especiais! Sempre tenho um vidro com canela em pau, cravos, estrelinhas (lindas) de anis… E nem falei dos chás que uso no chimarrão ( geralmente folhas secas de capim-limão)!

 

De tão viciada nos chás da Twinings, finalmente acabei comprando a caixa linda que toda vez que passava no supermercado me olhava… Ela tem capacidade para seis caixas pequenas e as que estão na foto abaixo são as que acompanham a caixa de madeira! Ela é forrada na parte interna da tampa com o logo da marca e tem divisórias na medida exata das caixas de chá!

 

Gente, não tenho mais espaço em casa pra livros, pros equipamentos de café e agora, olhem só a perdição, pros acessórios e caixas de chás!!! Uma loucura! Haja armário!

Os chás da Tea Shop são super caros, um fato, mas são realmente deliciosos e diferenciados, o aroma surpreende e faz com que a gente queira provar e até criar rituais para saboreá-los! Têm uma infinidade de opções e sempre alguns para degustar durante a visita à loja! Meu infusor com pingente de Moinho (tão fofo) da foto que abre o post, comprei lá – pois além de chás, eles vendem todo tipo de acessórios pra deixar nossas infusões mais charmosas – e também o medidor com a frase sobre chás! Ah, e claro que também um pacotinho do Pu Erh Frutos do Bosque (chá vermelho) que combina super bem com brownies (omg) e outras delicias que levem chocolate!

Nas minhas visitas ao Café República, no Bairro Cidade Baixa aqui em POA (post no forno sobre ele, me aguardem já saiu, confere aqui) também provei chás deliciosos como esses das lojas, e da última vez comprei o Magic Forest pra trazer pra casa – eles vendem lá no Café em dois tamanhos – que vem em vidrinhos fofos com a descrição do chá! O aroma do Magic Forest é divino, eu demorei um tempo antes de provar, só viajando nas lembranças enquanto sentia o perfume dele!

Ainda da Tea Shop provei e recomendo muito para quem quiser começar com algo leve, saboroso e com muitas propriedades que fazem bem ao organismo, o Rooibos: um chá vermelho, com vitaminas, antioxidantes, suave, indicado para qualquer hora do dia ou da noite pois não tem cafeína! Eu recebi uma amostra dele e agora estou louca pra ir buscar um pra ter em casa!

Meus infusores fofos, o limãozinho de silicone veio num kit de chás da Oetker, se não me engano, faz bastante tempo que tenho! O infusor com chaveiro em formato de um moinho eu comprei tem algumas semana na visita à loja da Tea Shop! Um segredinho: na verdade eu queria uma torre Eiffel, não tinha, mas acabei me apaixonando pelo moinho de cara, é muito fofinho mesmo! ♥️

E pra ir um pouco mais além, minhas canecas favoritas, porque nada melhor que uma caneca bem linda pra experimentar chás deliciosos, né! E a minha xícara-xodó – completando a linha “queridinhos” – que trouxe final de semana passado lá da cidade da minha mana, com estampa de patchwork, linda, linda!!!

A da Starbucks foi presente das minhas colegas em uma ida à São Paulo, para um Congresso (eu não pude ir e pra compensar minha falta e aplacar minha vontade de conhecer a cafeteria, as meninas me presentearam com ela!

A vermelha de poás eu comprei no Zaffari, vem com uma receita de chocolate quente imantada em formato de coração , que está na porta da geladeira, mas nunca fiz! Ela é enorme, gorduchinha, adoro! Não sei se ainda vendem!

A coloridona “beautiful day”  é da Tok&Stok e eu comprei a pouco tempo  pelo site mesmo por medo de não encontrar na loja física. Vi essa caneca em uma das fotos lindas da Melina, do blog  Serendipity.

E claro que teria uma com tema parisiense, caneca elegante, na minha cor favorita, presente da minha mãe!

Bem, o armário está lotado de canecas, as que não são tão favoritas, as do marido, isso sem citar os conjuntos de xícaras dos jogos de jantar – presentes de casamento – que quase nunca usamos! Mas essas aí da foto abaixo são, de fato, as favoritíssimas!

Chás definitivamente são uma bebida para os momentos de descanso, de relaxamento, quando a nossa intenção é desopilar, se desligar do mundo, ler um bom livro…

Agora me contem vocês: curtem ou cultivam o hábito dos chás? Quero saber os favoritos de vocês, se bebem chá o ano todo ou só no inverno, se fazem algum ritual especial? Me digam, vamos trocar figurinhas!

Eu dou um tempinho aqui pra vocês, enquanto começo uma nova leitura e claro, experimento mais uma xícara de chá!

 

Um beijo enorme e uma ótima semana!

Signature_Nine

1 pessoinha leu, curtiu e recomenda esse post!

Nine Copetti

Dizem por aí que já nasci com um livro embaixo do braço. Ando pelas ruas com o olhar pro alto a procurar nuvens que sejam algodão doce e passarinhos que versem sobre o dourado lindo do sol que chega de mansinho. Desanuvio meus pensamentos em palavras que se tornam meus textos de escape, faça sol ou chuva. Nos dias de chuva eu capricho mais. Dizem.

6 comentários

Kerlen · 14 de abril de 2016 às 00:10

Que delícia de post Aline!!!! E as fotos ficaram incríveis!
Sou fã de Chás também!!!! Só perdem para a minha paixão por café! Rsrsrsrsrs
Beijocas

    Nine Copetti · 14 de abril de 2016 às 00:34

    Que coisa boa ver teu comentário por aqui! ;)
    Depois do café, chá! Mas antes, café, sempre!!! Hahahaha!!!
    Beijão!

Graziella · 13 de julho de 2015 às 21:08

Nine! Amei esse post…. To sempre por aqui, mas nunca comento. Eu amo chás, mas tenho um gosto bem peculiar, só tomo chá em temperatura ambiente ou gelado e o meu preferido, acredite, é o de boldo kkkkkkk

    Nine Copetti · 13 de julho de 2015 às 21:18

    Grazi, que bom saber que está sempre por perto! As vezes custo a atualizar as coisas por aqui, mas é a correria do hospital mesmo!

    E, guria, chá de boldo eu acho super amargo, só bebo quando abuso das frituras! Hahaha! Agora, um chá gelado tem seu valor, no verão o de maçã eu bebo direto!

    Obrigada por deixar teu recadinho aqui! Mil beijos!

Samia · 13 de julho de 2015 às 19:41

Nine,
Conheci seu blog através do (blog) da Karla, de cara já adorei o layout e a leveza com que escreves, me identifiquei demais!
Sucesso e um beijo

    Nine Copetti · 13 de julho de 2015 às 20:46

    Oi, Samia!!!
    Que coisa boa, sou super fã da Kaká também!
    Muito obrigada por tuas palavras carinhosas!
    Um beijo enorme!
    <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *